De modo geral, quando se utiliza o mesmo tipo de porcelanato nos ambientes da casa pode ser visualmente agradável, mas pode ter um desempenho insuficiente em alguns cômodos. Por isso a existência de diversos tipos.

Você já deve ter percebido, principalmente quando vai àquelas grandes lojas de materiais de construção, que existem diversos tipos de porcelanato disponíveis no mercado. E a gente sabe muito bem que quando existem diversos tipos de um material, isso acaba gerando muitas dúvidas na hora de escolher o melhor para cada ambiente do imóvel.

A estética do material é sempre muito importante, mas a escolha precisa ir além disso. Nesse contexto, é preciso pensar em outros detalhes, como resistência mecânica, possibilidade de escorregamento, resistência a manchas e absorção de água.

Talvez você não saiba, mas as placas de porcelanato passam por um processo de produção que envolve a mistura de porcelana com outros minerais. Isso serve para deixar as peças mais uniformes e homogêneas. Isso possibilita que esse material seja mais resistente do que as cerâmicas convencionais.

De modo geral, quando se utiliza o mesmo tipo de porcelanato nos ambientes da casa pode ser visualmente agradável, mas pode ter um desempenho insuficiente em alguns cômodos. Por isso a existência de diversos tipos.

Pensando nisso, produzimos um conteúdo bem interessante sobre os principais tipos de porcelanato utilizados em imóveis, além de destacar as suas aplicações. Você está preparado? Então, vamos nessa!

Saiba mais sobre o porcelanato polido

Talvez esse seja um dos porcelanatos mais utilizados em residências. Isso porque ele é facilmente encontrado em qualquer loja de material de construção. Ele tem esse nome porque, após a finalização da peça, recebe polimento e uma camada de proteção, que garantem um brilho intenso e uma superfície extremamente lisa.

Quando este tipo de material entra em contato com a água, provavelmente se torna um revestimento de propriedade muito escorregadia. Por este motivo, ele é indicado apenas para as áreas secas do imóvel. As pessoas costumam aplicá-las em salas, quartos e corredores. Em uma empresa de tela de proteção, normalmente é aplicados em uma sala de espera ou no escritório administrativo.

Agora, existem possibilidades de aplicarem em outros ambientes, como salas com hall de entrada e conectadas à área externa da casa, é preciso muita atenção para evitar acidentes e escorregões, principalmente se o piso estiver úmido.

Conheça um pouco mais sobre o porcelanato acetinado

Quando falamos de porcelanatos acetinados é importante destacar que, diferentemente do citado acima, esses foram submetidos apenas a parte do processo de polimento.

Por esse motivo, o revestimento acaba por apresentar um acabamento acetinado e com menos brilho. A vantagem em contar com este tipo de porcelanato é que eles menos suscetíveis a riscos e manchas, além de oferecer menos risco de escorregões.

De modo geral, esse tipo de material conta com menos brilho, e isso proporciona uma vista menos cansada e pode ser usado em ambientes mais aconchegantes e relaxantes, como os quartos e a sala de estar. Como também são pouco escorregadios, podem ser aplicados em cozinhas e áreas úmidas, inclusive perto de piscinas.

Fique por dentro do porcelanato esmaltado

Por fim, vamos falar um pouco sobre o porcelanato esmaltado, um grande destaque nas lojas de materiais de construção. Esse tipo de material se diferencia dos demais citados acima por receber uma camada de esmalte por cima da peça.

Dentro desse cenário, se configura a superfície, que pode ser áspera, lisa, brilhante ou fosca. Quando se opta por este tipo de material, é fundamental que fique 100% atento ao que diz o PEI. Ele indica a resistência do esmalte à abrasão.

Só para ficar claro: o PEI é classificado de 0 a 5. Então, quanto maior o número, mais resistente é o material. Os porcelanatos esmaltados menos resistentes são recomendados para áreas com pouca circulação de pessoas, inclusive para a instalação em paredes.

Agora, quando falamos daqueles que possuem maior resistência, normalmente são aplicados nos ambientes mais movimentados, como a área externa, o hall de entrada e a sala de estar.

Por este motivo é tão importante conhecer e saber as propriedades dos diferentes tipos de porcelanato. Assim você pode garantir o melhor desempenho deles nos ambientes certos da sua casa ou da empresa de manutenção de elevador.

Por fim, é importante destacar que esses porcelanatos apresentados acima contam com uma variedade significativa de texturas, cores e acabamentos. Além disso, eles podem ser considerados como materiais duráveis e apresentam baixa porosidade, evitando a absorção de água e de poeira.

Informações sobre o porcelanato EXT

Esse tipo de porcelanato é muito utilizado e até Indicado para áreas externas, como terraços e rampas, e que também tenham frequente contato com água, este tipo de porcelanato possui superfície abrasiva, com efeito que não escorrega.

Bom, podemos considerar esse tipo de material muito parecido com os porcelanatos tradicionais. A diferença se dá por ser uma versão mais parruda e resistente do porcelanato.

Ele é altamente resistente à abrasão, então sua durabilidade é muito grande. Mas é preciso ficar atento aos locais que ele mais se identifica. viu? Esse tipo de material não é indicado para fachadas e paredes externas por conta da limpabilidade.

Esse tipo de porcelanato é muito versátil e pode ser aplicado em vários ambientes, embora ele seja mais usado no exterior da casa ou até nas entradas de empresas como envelope awb.