Diversas vezes na vida, somos confrontados com a experiência de escolher torneiras para os banheiros e cozinhas das nossas casas.

No entanto, por mais que essa decisão seja importante para a decoração do imóvel, em várias situações, esse processo acaba por se tornar tedioso, visto que nos deparamos  com uma escolha sobre algo que nos é desconhecido.

Pensando evitar que isso aconteça, o Blog da ConstruLiga separou algumas dicas para você saber que existem certos requisitos que não devem ser perdidos de vista antes de comprar a torneira certa para sua casa. Confira!

Torneiras para cozinha e banheiro

image1

Neste espaço é preciso de uma torneira de respost a rápida e precisa, além de resistente, para aguentar os dias intensos de lavagem de louça. É por isso que os sistemas de monocomando são úteis, pois oferecem conforto e integram-se perfeitamente nos ambientes da cozinha. Costuma-se recomendar uma distância de pelo menos 30cm de altura, entre a bica de onde sai a água e a bancada da pia, não importando se a torneira será fixada na bancada ou na parede.

image2

Para a instalação da torneira do seu banheiro atente-se em comprar uma torneia com um tamanho proporcional ao da pia e que seu jato de água esteja direcionado ao ralo, pois caso isso não ocorra há grande risco da água escorrer para fora da cuba.

 

Escolhendo o tipo certo de torneira

As torneiras, em geral, devem garantir conforto e durabilidade. Portanto, é essencial escolher um modelo que se adapte às nossas necessidades e, também, ao nosso bolso. Entre alguns tipos de torneiras para cozinha e banheiro, podemos encontrar:

Torneira monocomando

Geralmente constituídas por um design normal e bonito, as torneiras monocomando permitem acionar com apenas um gesto a quantidade e a temperatura de água desejada. Se você escolher por esse tipo de torneira, não se esqueça de ver de que lado ela gira para evitar tocar na parede, ou em outros elementos.

image3

Entre as diversas opções disponíveis de torneira monocomando no mercado, destacam-se as torneiras de cano alto, as de parede e de as de cano extraível, muito comuns de seres instaladas em cozinhas.

Torneira misturador

Essas torneiras, ao contrário do design do monocomando, oferecem duas entradas. Uma delas corresponde à água fria e a outra à água quente. Assim, ela pode ser um pouco menos prática, justamente pelo fato de existirem dois volantes para o controle de água e temperatura. Parece óbvio, mas torneiras de tipo misturador só fazem sentido se a sua casa possuir água quente e água fria. Do contrário, é gasto à toa (sim, custam bem mais).

image4

Torneira temporizada

As torneiras temporizadas surgiram com um propósito ecológico. Por possuir temporizador e às vezes sensor de movimento, esse tipo de torneira busca economizar a vazão de água e previne acidentes como esquecer a torneira aberta por muito tempo. São muito utilizadas em estabelecimentos comerciais onde há banheiros públicos.

image5

 

Por qual estilo de torneira devo optar?

Do ponto de vista estético, as torneiras monocomando vem cada vez mais ocupando os espaços das torneiras de tipo misturadoras, tendo essas seu uso relegado a certos casos em que o design “vintage” prevalece.

Outro ponto de atenção é que a torneira do misturador também requer manutenção, uma vez que as juntas no interior de cada torneira são bastante sensíveis aos vazamentos. Com modelos recentes, esse fato não é tão comum, pois eles são mais resistentes. Mesmo assim, em caso de vazamento de água, a torneira deve ser completamente substituída.

Caso a ideia seja a de não desperdiçar água, a torneira temporizada é realmente a escolha certa, porque é muito mais fácil ajustar a temperatura e o fluxo desejado. Além disso, proporciona uma parada tanto para a temperatura quanto para o fluxo, promovendo, assim, economias significativas de água. É, portanto, a torneira que produz menos perda de água e aquela que otimiza a energia.

Gostou? Compartilhe esse conteúdo e acesse o Blog da ConstruLiga para ficar por dentro dos melhores artigos sobre a Construção Civil.